Trip Tips: Tiradentes /MG

Passei os últimos dias de 2015 e os primeiros de 2016 na pequena e encantadora cidade de Tiradentes, em Minas Gerais!




A cidade foi muito importante para a História do Brasil e por isso preserva as características da época colonial com muito charme.

Eu já havia conhecido Tiradentes há muitos anos e apenas passei o dia, então me surpreendi positivamente dessa vez com as opções turísticas disponíveis!

Sendo assim, resolvi fazer um resumo para quem estiver pensando em visitar a cidade. Em alguns desses lugares eu mesma fui e de outros recebi indicações de quem conhece bem Tiradentes.

Atrações e passeios

- Centro Histórico:




Por lá você já vê diversas atrações de uma só vez: Igreja Matriz (um dos últimos trabalhos de Aleijadinho e ricamente ornamentada em ouro), Igreja Nossa Senhora do Rosário dos Pretos (construída por escravos), o Museu da Liturgia, o Chafariz e a maior parte dos restaurantes e das lojinhas de móveis e artesanato.

As ruas são de pedra e o acesso aos carros é restrito.

- Maria Fumaça:

Passeio de Tiradentes à São João Del Rei (12 km), a bordo de uma locomotiva centanária. Não fiz esse passeio, mas é bem típico. As crianças e os mais velhos adoram! Para preços e horários clique aqui.

- Bichinho:

A cidade inteira é cheia de lojas de móveis, mas o distrito de Bichinho, que fica a 7km de Tiradentes, possui uma concentração ainda maior! Não só móveis, como artigos de decoração e artesanato em geral com preços muito bons e qualidade ímpar! Mais detalhes sobre esse lugar aqui.

Onde comer

Claro que essa foi minha atividade preferida né?! Antes mesmo de ir, já tinha pesquisado vários restaurantes e chegando lá ainda conheci outros.

- Tragaluz: falei dele aqui

- Angatu: super recomendado, mas não tive tempo de ir

- Virada's do Lago, mais conhecido como Restaurante da Beth: comida boa e farta, mas um atendimento beeem devagar. Vá sem pressa!

- Entrepot Du Vin: só dei uma passadinha para tomar uma cerveja Backer (tipicamente mineira) e achei muito agradável! É mais um café/pub.

- Pacco & Bacco: outro bem recomendado que não tive tempo de ir. O restaurante fica ao lado de um empório de bebidas com mesmo nome.

- Luth Bistrô: lugar absolutamente encantador que, infelizmente, estava lotado quando fui. A área verde é super agradável!

Outros tantos são muito recomendados! Vale dar uma olhada no Trip Advisor!

Onde ficar

Eu me hospedei na casa de uma amiga, mas o que não falta são opções de pousadas por lá. Peguei aqui emprestada a lista de indicações dela mesma, que visitou todas e fez um apanhado das mais simples às mais caras.

- Pousada Chafariz das 4 Estações

- Pousada do Ó

- Hospedaria da Villa

- Pousada Três Portas

- Pousada Ramalhete

- Pousada Richard Rothe

- Pousada Papyrus

- Solar da Ponte

- Brisa da Serra

- Santíssimo Resort

- Pequena Tiradentes 

Últimas dicas

Tiradentes é uma cidade bem calma na maior parte do ano, mas com uma programação cultural interessante. Para ficar por dentro da agenda de eventos clique aqui.

Por ser um lugar com chão de pedras, nem precisa levar salto na mala! Conforto é a palavra de ordem! Além disso, a casualidade da cidade não pede roupas mais arrumadas.

Fui em pleno dezembro/janeiro e mesmo assim fui surpreendida com um friozinho (sou carioca vai... dê um desconto). Por lá a temperatura costuma ser mais amena durante a noite, mesmo durante o verão.

Espero que esse mini-guia tenha sido útil! Eu adorei os dias que passei em Tiradentes e já tenho data para voltar! =)

*Todas as fotos deste post pertencem ao blog

3 comentários: